Livramento Hoje

Busca pela categoria "Saúde"

Municípios baianos vão receber 340 mil testes rápidos para detecção da Covid-19

Foto: Reprodução
17.Jan.2022 // 08:30

Os 417 municípios da Bahia vão receber um reforço no combate a pandemia da Covid-19. Como forma de intensificar a testagem em massa, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia distribuirá a partir desta sexta-feira (14), 340 mil Testes Rápido de Antígeno (TR-Ag), com o objetivo de monitorar a situação epidemiológica e auxiliar os gestores na tomada de decisão sobre o avanço da pandemia. A distribuição será feita através dos nove Núcleos Regionais de Saúde, que ficarão responsáveis pelo repasse do material aos municípios. O maior repasse será feito para a região Leste, que receberá 101.000 mil testes, seguida pela região Sul, com 47.500 unidades e região Sudoeste, com 41.500. “Já estávamos recomendando a testagem massiva durante toda a pandemia, com esse aumento no número de casos ativos, o cuidado precisa ser redobrado. Agora, o rastreamento será ainda maior. A população precisa continuar colaborando para que a gente possa vencer essa batalha. Os números deixam claro que a pandemia ainda não acabou”, destaca a secretária da Saúde da Bahia, Tereza Paim. De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado na quinta-feira (13), a Bahia atingiu 7.256 casos ativos de Covid-19 e 14 óbitos. De acordo com a diretora da Vigilância Epidemiológica da Bahia, Márcia São Pedro, a ação busca realizar o monitoramento da situação epidemiológica do estado. “A gente vai começar a testar para que possamos direcionar a gestão na tomada de decisões. Hoje, nós estamos distribuindo 340 mil testes e a previsão do Ministério é de enviar um novo quantitativo”, adianta.


Butantan está produzindo vacina contra gripe que contém nova cepa

Foto: Reprodução
04.Jan.2022 // 09:01

O Instituto Butantan está produzindo uma nova vacina contra a gripe que irá conter a cepa do vírus. De acordo com o Butantan, os imunizantes serão distribuídos no Sistema Único de Saúde (SUS) já neste ano. A nova vacina contra a influenza será trivalente, composta pelos vírus H1N1, H3N2, do subtipo Darwin, e a cepa B. Segundo o instituto, o imunizante será importante para combater o surto de influenza H3N2 que atinge o Brasil e conter o espalhamento do vírus. O Butantan já produz 80 milhões de doses de vacina contra influenza que são utilizadas na campanha nacional de vacinação. Ainda de acordo com o instituto, uma versão tetravalente da vacina da gripe, que contém duas cepas de vírus A e duas cepas do vírus B, também está sendo trabalhada. O imunizante deverá substituir a versão trivalente no futuro. 


Sistema que notifica casos e mortes por Covid-19 volta ao ar após 11 dias

Foto: Reprodução
22.Dez.2021 // 05:00

E-SUS Notifica, sistema federal que reúne informações de diagnósticos e de mortes por Covid-19, voltou a funcionar nesta terça-feira (21). A plataforma ficou fora de operação durante 11 dias, depois de sofrer um ataque hacker que atingiu o Ministério da Saúde e levou a um apagão de dados sobre a doença no país. Cabe às secretarias de Vigilância em Saúde (SVS), de Atenção Especializada à Saúde (Saes) e Secretaria-Executiva (SE) a gerência do sistema. "O Ministério da Saúde informa que o sistema de registro E-SUS Notifica foi restabelecido. Pasta reitera que atua com agilidade para a o restabelecimento de todas as plataformas impactadas o mais breve possível", informou a pasta, em nota. O ConecteSUS, que reúne dados de vacinação, exames e medicamentos, ainda está fora do ar. A plataforma é responsável pela emissão do comprovante de vacinação a todos os brasileiros que completaram o ciclo de imunização com duas doses de AstraZeneca, de CoronaVac ou de Pfizer ou, ainda, a dose única da Janssen. A previsão é que seja reestabelecido até esta quarta-feira.


Anvisa autoriza vacina da Pfizer contra covid-19 em crianças

Foto: Denis Farrell/AP
Por: Agência Brasil no dia 16.Dez.2021 // 11:55

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso da vacina produzida pelo consórcio Pfizer-BioNTech, a Comirnaty, contra a covid-19 em crianças com idade de 5 a 11 anos. A aprovação está sendo anunciada hoje (16), em transmissão ao vivo da Anvisa, no Youtube, após avaliação técnica da agência, sobre o pedido apresentado em novembro, indicando o uso da vacina para este público. A resolução com a autorização da Anvisa será publicada ainda hoje (16) no Diário Oficial da União, em edição especial, segundo gerente geral de Medicamentos da Anvisa, Gustavo Mendes.Gustavo Mendes. " Com base na totalidade das evidências científicas disponíveis, a vacina Pfizer-BioNTech, quando administrada no esquema de duas doses em crianças de 5 a 11 anos de idade, pode ser eficaz na prevenção de doenças graves, potencialmente fatais ou condições que podem ser causadas pelo SARS-CoV-2”, disse Mendes.  gerente lembrou que as análises contaram com a participação de diversos especialistas tanto da Anvisa como de outras entidades. “Verificamos segurança e tolerabilidade, em uma primeira fase. Nela foram aplicadas doses diferentes. Com base no resultado, chegamos à conclusão de que deveriam ser aplicadas 10 microgramas, quantidade inferior à aplicada em adultos”, disse. Ele acrescentou que, na comparação entre crianças de 5 a 11 com pessoas de 16 a 25 anos [considerando as doses correspondentes a cada grupo], foi identificada a presença de anticorpos nas crianças. “Observamos desempenho satisfatório da vacina também contra a variante Delta”, ressaltou. “E não há relato de nenhum evento adverso sério, de preocupação ou relato relacionado a casos muito graves ou mortalidade por conta da vacinação. Esse perfil de segurança é muito importante”, completou. De acordo com a gerente geral de Monitoramento, Suzie Marie Gomes, as doses de vacinas para crianças é de um terço em relação à dose e à formulação aprovada anteriormente. Além disso a formulação pediátrica é diferente. Ou seja, não se pode fazer diluição da dose de adulto para a dose de criança. Suzie Marie acrescenta que as crianças que completarem 12 anos entre a primeira e a segunda dose devem manter a dose pediátrica. A vacina da Pfizer-BioNTech já havia sido autorizada para aplicação em adolescentes com idade a partir de 12 anos. Por fim, a gerente de Monitoramento ressalta que não há estudos sobre coadministração com outras vacinas e que, portanto, o uso de diferentes vacina não é indicado. Segundo a Anvisa, a dose da vacina para crianças será diferente daquela utilizada para pessoas a partir de 12 anos. Os frascos também terão cores distintas para evitar erros na aplicação.


Ministério da Saúde alerta para golpes por e-mail

Foto: Marcello Casal Jr | Agência Brasi
Por: Agência Brasil no dia 16.Dez.2021 // 05:00

O Ministério da Saúde divulgou na quarta-feira (15) um comunicado alertando para mensagens falsas por e-mail utilizando como gancho o argumento de envio do certificado de vacinação contra a covid-19. O ministério ressalta que não disponibiliza esse tipo de comprovação por e-mail para nenhum usuário do Sistema Único de Saúde (SUS). A única forma de obter o certificado de vacinação para a covid-19 é por meio do aplicativo ConecteSUS ou de sua versão web. Em razão da invasão na base de dados do Ministério da Saúde, o aplicativo ainda não está com a emissão de certificados normalizada. Em nota, a pasta informou que “está agindo para restabelecer o mais rápido possível os sistemas para registro e emissão dos certificados de vacinação”, mas não informou quando o serviço estará disponível novamente. O aplicativo ConecteSUS pode ser baixado em qualquer loja de app, como Play Store ou Apple Store. Nele, o cidadão que se cadastrar pode acessar os dados de vacinação, incluindo o exigido no contexto da pandemia do novo coronavírus (covid-19) por alguns estabelecimentos. O certificado fica disponível apenas para quem completar o ciclo vacinal.


Pílula contra Covid-19 reduz risco de morte em 89%, diz Pfizer

Foto: Divulgação
14.Dez.2021 // 11:00

Os dados mais atualizados da Pfizer sobre seu tratamento experimental com uma pílula contra a Covid-19 mostraram que o medicamento reduz o risco de hospitalização ou morte pela doença em 89% se administrado a adultos dos grupos de risco poucos dias após seus primeiros sintomas. A Pfizer espera poder eventualmente oferecer os comprimidos, chamados de Paxlovid, para as pessoas tomarem em casa antes de ficarem doentes a ponto de precisarem ir ao hospital.  A pílula é composta de uma mistura entre um novo medicamento antiviral denominado nirmatrelvir e um mais antigo denominado ritonavir. Após um mês de acompanhamento dos voluntários, o estudo relatou cinco hospitalizações e nenhuma morte entre 697 pessoas que receberam o medicamento nos primeiros três dias de sintomas. Entre 682 que receberam placebo, 44 foram hospitalizados, incluindo 9 que morreram. Todos os adultos neste estudo não foram vacinados contra a Covid-19.


Bahia registra 9 óbitos por Covid-19

Foto: Divulgação | Ministério da Saúde
14.Dez.2021 // 07:30

Com os sistemas e banco de dados do Ministério da Saúde fora do ar há quatro dias, o boletim epidemiológico tem sido divulgado apenas de forma adaptada. O problema é consequência do ataque de hackers sofrido pelo Ministério na última sexta-feira (10). Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 9 óbitos confirmados por Covid-19. Desde o início da pandemia, o total de óbitos é de 27.399. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.


Queiroga diz que ConecteSus deve voltar ao ar até terça-feira

Foto: Reprodução
13.Dez.2021 // 06:00

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que espera restabelecer o ConectSUS até a próxima terça-feira (14). A plataforma, que mostra comprovantes de vacinação contra a Covid-19, sofre instabilidades desde que houve um ataque hacker ao sistema do Ministério da Saúde, na madrugada de sexta-feira (10). A declaração de Queiroga foi feita à TV Globo, durante participação, na noite deste domingo (12), do Congresso Brasileiro de Urologia, em Brasília. Ainda no domingo, o Ministério da Saúde informou que o processo para recuperação dos registros dos brasileiros vacinados contra a Covid-19 foi finalizado, sem perda de informações, contudo, não foi informado qual seria a data para restabelecimento dos sistemas.


Dados ficam indisponíveis no site do Ministério da Saúde, Após invasão de hackers

Foto: Reprodução
10.Dez.2021 // 09:00

Hackers invadiram o site do Ministério da Saúde na madrugada desta sexta-feira (10) e deixaram os dados indisponíveis. Quem tentou acessar a página mais cedo, se deparava com a seguinte mensagem: “Os dados internos dos sistemas foram copiados e excluídos. 50 TB (Terabyte) de dados está (sic) em nossas mãos”. As plataformas DataSUS, Painel Coronavírus e Conecte SUS, geridas pela pasta, também foram atingidas. O Lapsus$ Group assumiu a autoria do ataque cibernético. Na página, havia um aviso de “ransomware”, que é software intencionalmente feito para causar danos a um servidor. Os responsáveis pelo ataque pediam para que seja feito um contato através de uma conta do Telegram ou e-mail, “caso queiram o retorno dos dados”. Até o momento, não há informações sobre como o ataque foi realizado. Na manhã desta sexta-feira, a mensagem já não aparece, no entanto, o site do Ministério da Saúde segue fora do ar.


Mais de 60 cidades baianas estão sem registro de casos da Covid-19

Foto: Alan Rich | Livramento Hoje
09.Dez.2021 // 08:00

Sessenta e cinco das 417 cidades baianas estão sem registrar casos de Covid-19 há cerca de 30 dias, segundos dados divulgados pela Secretária de Saúde da Bahia (Sesab). Contendas do Sincorá, no sudoeste do estado, é o município que está há mais tempo sem contabilizar infectados (112 dias). De acordo com os dados divulgados no último boletim, na quarta-feira (8), Marciolínio Souza é a segunda cidade com maior tempo sem registros de infectados pela doença (111 casos), seguido de Itaju da Colônia (102), Boninal (95) e Tapiramutá (92). Nas últimas 24 horas foram registrados 608 novos casos de Covid-19 na Bahia. O boletim ainda registrou seis óbitos causados pela doença. Desde o início da pandemia, dos 1.264.224 casos confirmados, 1.233.888 são considerados recuperados e 27.365 pessoas morreram. Ainda estão ativos 2.971 casos. Segundo a Sesab, 1.650.396 casos foram descartados e 258.683 estão em investigação. No estado, 52.615 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. A Bahia tem 1.231 leitos ativos para tratamento da Covid-19. Desse total, 410 estão com pacientes internados, o que representa taxa de ocupação geral de 33%. Desses leitos, 507 são de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto e têm taxa de ocupação de 40% (201 leitos ocupados). Nas UTIs pediátricas, 26 das 29 vagas estão com pacientes, o que representa taxa de ocupação de 90%. Os leitos clínicos para adultos estão com 23% de ocupação e os infantis com 57%. Confira as cidades baianas que têm mais de 30 dias sem registrar casos de Covid-19:
Utinga – 38, Terra Nova – 31, Boninal – 95, Candeal – 62,  Marcionílio Souza – 111, Itaeté – 32, Ibiquera – 81, Presidente Dutra – 39, Ibititá – 46, Barra do Mendes – 31, Tapiramutá - 92, Mulungu do Morro – 46, Gentio do Ouro – 77, Jucuruçu – 60, Jaguaripe – 92, São Félix – 50, Muniz Ferreira – 74, Olindina – 47, 
Fátima – 46, Banzaê – 70, Heliópolis – 69, Araçá – 60, Aramari – 40, Novo Triunfo – 62, Jandaíra – 48, Acajutiba – 46, Crisópolis – 61, Jeremoabo – 40, Santa Brigída – 40, Ibotirama – 64, Serra do Ramalho – 32, Jaborandi – 35, Tabocas do Velho Brejo – 31, Ipupiara – 84, Iguaí – 60, Ibiassucê – 52, Palmas de Monte Alto – 67, Piripá – 64, Pindaí – 69, Lagoa Real – 73, Urandi – 53, Candiba – 38, Encruzilhada – 63, Mirante – 75, Sebastião Larajeiras – 82, Matina – 70, Botuporã – 45, Licínio de Almeida – 62, Jussiape – 69, Caraíbas – 31, Érico Cardoso – 52, Contendas do Sincorá – 112, Maetinga – 102, Caturama – 124, Manoel Vitorino – 49, Santa Luzia – 32, Teolândia – 32, Itiriçu – 76, Igrapiúna - 31, Apuarema - 84, Gongogi - 38, Planaltino - 48, Nova Ibiá - 48, Cravolândia - 32, Itaju do Colônia - 102.


Promotores de Justiça são orientados a acompanhar cobertura vacinal nos municípios baianos

Foto: Alan Rich | Livramento Hoje
02.Dez.2021 // 09:30

A procuradora-geral de Justiça, Norma Cavalcanti, recomendou na última quarta-feira (01), aos promotores de Justiça que instaurem procedimento administrativo para acompanhar a atuação municipal relacionada à vacinação contra a Covid-19. O documento, baseado em expediente do Grupo de Trabalho de Enfrentamento ao Coronavírus, orienta que os promotores de Justiça enviem recomendações aos gestores municipais para que intensifiquem a vacinação de pessoas que ainda não foram imunizadas ou que necessitem da aplicação da segunda dose, ou a dose de reforço, ainda que tenham ultrapassado o intervalo entre as doses preconizado pelos fabricantes. O documento destaca que a Bahia voltou a registrar, dia 23 de novembro, mais de mil novos casos de Covid-19 em 24h, o que não ocorria desde o final do mês de agosto deste ano, e que a Ômicron foi declarada pela OMS como ‘variante de preocupação’ em razão de suas 50 mutações, sendo mais de 30 na proteína ‘spike’, a ‘chave’ que o vírus usa para entrar nas células e também o alvo da maioria das vacinas contra a Covid-19. Foi orientado que os promotores reforcem aos gestores municipais sobre a importância de informar a população a respeito dos benefícios da vacinação, da segurança dos imunizantes e da importância de completar o esquema vacinal como medida de enfrentamento à pandemia da Covid-19.


Sesab emite alerta após detecção de quatro casos de Influenza A H3N2

Foto: Reprodução | Sesab
02.Dez.2021 // 06:00

Em função da detecção de quatro casos positivos para Influenza A H3N2, a Vigilância Epidemiológica Estadual emitiu, na última quarta-feira (1º), um alerta epidemiológico para as secretarias municipais de saúde. Dos casos positivos, todos residem em Salvador, sendo dois do sexo feminino e dois do sexo masculino, com idades de 11, 29, 38 e 54 anos. Há recomendação também para a intensificação vacinal nos municípios que dispõem de estoque, com oferta da vacina influenza para os grupos prioritários não vacinados durante a campanha de 2021. Na Bahia, 5.635.200 doses da vacina Influenza foram distribuídas e 4.830.362 foram aplicadas durante a Campanha da Influenza em 2021, atingindo a cobertura média de 69,7%. O estado alcançou as seguintes coberturas vacinais por grupos prioritários: crianças (79,4%), gestantes (77,2%), idoso (66,1%), povos indígenas (78,3%), puérperas (80,8%), trabalhadores de saúde (55,7%).


São Paulo registra terceiro caso da variante Ômicron

Foto: Reprodução
01.Dez.2021 // 13:00

Foi confirmado nesta quarta-feira (1) o terceiro caso de paciente com a variante Ômicron no Brasil. O homem de 29 anos vindo da Etiópia desembarcou em Guarulhos, sem sintomas, mas fez o teste que deu positivo para covid-19 no último sábado. O homem havia sido vacinado com as duas doses do imunizante da Pfizer. A amostra deste terceiro caso foi sequenciada geneticamente pelo Instituto Adolfo Lutz. Além dele, outros dois pacientes, um homem de 41 anos e uma mulher de 37, provenientes da África do Sul, tiveram a confirmação da presença da variante Ômicron. A verificação foi feita pelo Adolfo Lutz na tarde de ontem, após sequenciamento genético feito pelo laboratório do Hospital Israelita Albert Einstein. O casal havia sido vacinado com o imunizante da Janssen na África do Sul, de acordo com informações atualizadas nesta quarta-feira (1º) pela vigilância municipal de São Paulo.


Governo da Bahia passa a exigir comprovante de vacinação para visitas a presídios, unidades de saúde e atendimentos do serviço público

Foto: Alan Rich | Livramento Hoje
01.Dez.2021 // 09:00

As visitas às unidades de saúde, às unidades prisionais, além do acesso ao atendimento para serviços públicos só serão permitidas, a partir de hoje, com a apresentação de comprovante de vacinação contra a Covid-19. Começa a valer nesta quarta-feira (1º) o decreto do Governo da Bahia, do último dia 20 de novembro, que determina a a apresentação do documento fornecido no momento da imunização ou do Certificado Covid, obtido por meio do aplicativo ‘Conecte SUS’, do Ministério da Saúde. Os atendimentos presenciais no Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e no Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) também serão exclusivos para quem comprovar a vacinação contra a Covid-19. O governo baiano vai exigir comprovante de vacinação contra a Covid-19 também para uso do transporte público intermunicipal, a partir do próximo dia 10.


Anvisa identifica dois casos da variante Ômicron no Brasil

Foto: Itamar Crispin | Fiocruz
30.Nov.2021 // 23:30

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou na tarde desta terça-feira (30), que recebeu resultados preliminares mostrando que dois brasileiros estão com a variante Ômicron do coronavírus. “Um passageiro vindo da África do Sul e que desembarcou em Guarulhos no dia 23/11, portando resultado de RT-PCR negativo, com vistas a se preparar para a viagem de regresso à África do Sul, procurou o laboratório localizado no aeroporto de Guarulhos, no dia 25/11, para, já na companhia de sua esposa, realizar o teste de RT-PCR requerido para o retorno. Naquele momento, ambos testaram positivo para a Covid-19 e o fato foi comunicado ao Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) de São Paulo”, registra a nota da agência. Os contaminados são marido e esposa, ambos de São Paulo. O homem voltou ao Brasil da África do Sul no dia 23 de novembro, antes da notificação mundial da identificação da nova variante, ressaltou a agência. O Ministério da Saúde e o governo paulista já foram informados, para tomarem as medidas cabíveis para controle do contágio. De acordo com os protocolos nacionais, o material deve ser enviado ao Instituto Adolfo Lutz (IAL) para fins de confirmação do sequenciamento genético. A Anvisa também oficiou o Ministério da Saúde e as Secretarias de Saúde estadual e municipal de São Paulo sobre o evento em saúde identificado na data de hoje para adoção das medidas de saúde pública pertinentes.