Menu

Últimas notícias.

A Justiça da Espanha concedeu, nesta quarta-feira (20), liberdade provisória ao ex-jogador Daniel Alves. Para sair da prisão, ele terá de pagar US$ 1 milhão. Daniel foi condenado em 22 de fevereiro a 4 anos e seis meses de prisão por estupro.  A agressão sexual foi cometida em dezembro de 2022, em Barcelona, na Espanha. A decisão ocorreu, segundo o jornal espanhol El Mundo, por maioria da Corte do Tribunal de Barcelona em voto privado. Os magistrados concordaram que o jogador pode sair da prisão se pagar a fiança. Daniel também deverá ficar sem os passaportes, espanhol e brasileiro. Além disso, o brasileiro não pode sair da Espanha e deve comparecer semanalmente ao tribunal. 

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.